Arquivo de setembro de 2016

Enquanto a Polícia de Flávio Dino prende um major, Um agente penitenciário é assassinado…

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2016 - 2 Comentários

img-20160929-wa0038Vai entender!!! Pois um agente penitenciário, lotado na CCPJ do Anil, de nome Jairo, foi assassinado, hoje (29), na Rua Frei Hernenegildo, na Aurora, em frente a uma parada de ônibus.

Segundo informações, Jairo foi alvejado por uma mulher que estava na garupa de uma moto.

Com um tiro certeiro na cabeça, Jairo já caiu morto na calçada.

img-20160929-wa0042img-20160929-wa0039

Cadê a Justiça Eleitoral? Prefeito de São Luís comete abuso de poder político

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2016 - 8 Comentários

Por Cláudio Humberto

Edivaldo Holanda distribui ônibus às vésperas das eleições

A conduta configura abuso de poder político e o uso indevido do cargo com finalidade de obter votos.

A conduta configura abuso de poder político e o uso indevido do cargo com finalidade de obter votos.

Candidato à reeleição, o prefeito de São Luís (MA), Edivaldo Holanda Jr (PDT) rasgou a lei eleitoral. Apoiado pelo governador Flávio Dino (PCdoB), que faz um mandato contestado pela população, Holanda entregou dezenas de ônibus novos à população a menos de 72 horas do início da votação.

A equipe jurídica da candidata Eliziane Gama (PPS) entra, na parte da tarde, com ação contra o prefeito por crime eleitoral. O pedido é baseado em flagrante ocorrido nesta quinta-feira (29), em uma das vias de maior movimentação da capital maranhense.

Holanda anunciou no programa eleitoral, transmitido em cadeia de rádio e televisão de São Luís, que os novos veículos chegariam em breve à capital do Maranhão.

A conduta configura abuso de poder político e o uso indevido do cargo com finalidade de obter votos e desequilibrar as eleições, segundo norma do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

No Twitter, o prefeito anunciou a entrega

No Twitter, o prefeito anunciou a entrega

Wellington do Curso e os factóides…

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2016 - Sem Comentários

Holanda Junior esperou que seus cupinchas fossem acabar com Wellington do Curso

Holanda Junior esperou que seus cupinchas fossem acabar com Wellington do Curso

É certo afirmar que utilizaram de todas as formas para destruir a reputação do candidato Wellington do Curso, através dos candidatos laranjas e da mídia amilhada ao Palácio dos Leões e à Prefeitura de São Luís.

Mas o tiro saiu pela culatra, haja vista que o candidato Wellington do Curso se manteve firme para disputar o segundo turno com o atual prefeito, Holanda Junior, que esperava com muita ansiedade que os ataques ao seu adversário surtisse o efeito desejado e, assim, ganhasse no primeiro turno.

Os cupinchas de Flávio Dino e de Holanda Junior pensavam que os votos de Wellington do Curso não estavam consolidados, por isso acharam que os ataques iriam surtir o efeito desejado.

Usaram as artimanhas mais antidemocráticas para atingir o candidato do PP, porém viram que o atual prefeito não conseguiu abocanhar os eleitores que escolheram Wellington do Curso.

Fica evidente que Holanda Junior não ganhará no primeiro turno e entra no segundo turno com desgaste, haja vista que já divulgou todas as suas promessas mirabolantes nesse primeiro round.

Comando da PMMA transfere o Major Cutrim de Colinas para Fortuna de forma arbitrária

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2016 - Sem Comentários

Segundo o denunciante, a transferência do Major Cutrim de Colinas para Fortuna é uma forma de rebaixamento do oficial e que se trata de uma retaliação, visto que o major não quis seguir as orientações eleitorais do governo que aí está. Leia abaixo a denúncia:

pmCaio,

A última investida do comando geral da PM/MA foi a transferência do Major Cutrim para a cidade de Fortuna.  Até o início da tarde de hoje(28) O oficial comandava a  1 CI/PM de Colinas a notícia pegou o comandante de surpresa,  já que sem algum motivo que justificasse a transferência, o oficial foi enviado de forma compulsória para uma cidade onde há apenas um destacamento com poucos policiais e desta forma o então comandante ver esta arbitrária decisão como uma forma de rebaixamento de posto e de função.  Tudo leva a crer com base nos modus operandis do governador que trata-se de retaliação.  Pois o oficial não demonstrou nenhuma satisfação em trabalhar em prol dos candidatos apoiados pelo governador. DITADURA A VISTA

Assistam ao vídeo!!! Evangélicos exorcizam os demônios de Rosangela Curado

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2016 - Sem Comentários

curadoO que não faz um candidato, ainda mais quando teima pela Prefeitura de Imperatriz. O certo é que ela se submeteu ao exorcismo de seus demônios. Mas será que conseguiram expulsar todos? Rosangela Curado rodopiou, pulou, dançou etc. O vídeo mostra uma exorcista tentando expulsar os demônios. As duas chegaram aos extremos da exaustão. Um dos presentes mandou o vídeo ao blog e disse:

“O que um candidato não faz por uns votinhos kkkkkkk. Rosangela Curado baixando o cabôclo kkkk”

Que não camuflem!!! Portal de Transparência da Câmara de São Luís terá que expor remuneração de vereadores e servidores

Postado por Caio Hostilio em 28/set/2016 - Sem Comentários

camaraPrazo para cumprimento da decisão é de 60 dias

Em decisão datada dessa terça-feira (27), o juiz Douglas de Melo Martins, titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos, determinou à Câmara Municipal de São Luís a adequação do Portal de Transparência da Casa às exigências da lei, “detalhando, entre outros itens obrigatórios, a relação de todos os vereadores e servidores, com indicação de toda remuneração percebida”. O detalhamento dos Orçamentos e Finanças da Casa, com acesso às despesas relativas a “cartões corporativos, controle de estoque, convênios, viagens e passagens aéreas, custeio de vereadores e demais despesas concernentes às verbas de gabinete” também consta da decisão. A Câmara Municipal deve ainda adaptar o Serviço de Acesso às Informações Públicas ao Cidadão de modo a atender, incentivar e orientar o público na efetiva análise das informações fornecidas; além de informar sobre tramitação de documentos e protocolo de requerimento de acesso a informações.

Também cumpre à Câmara implantar “sistema informatizado de ponto, via biometria, capaz de exercer o controle de entrada e saída de servidores, qualquer que seja o cargo. O prazo para o cumprimento das determinações é de 60 dias. Em 120 dias, a legislação da Casa também deve ser disponibilizada através de link de fácil acesso, consta da decisão.

No documento, o magistrado determina ainda ao presidente da Câmara de Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum, a exibição da relação dos servidores da Casa “com detalhamento de nome, cargo (efetivo, comissionado, contratado, requisitado), remuneração, lotação e filiação”. O prazo para cumprimento da decisão é de 10 (dez) dias. A DIRF (Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte) e GEFIP (Guia de Recolhimento do FGTS e Informações da Previdência Social) relativas aos anos de 2014, 2015 e 2016 também devem ser exibidas, em até 60 dias, pelo presidente da Câmara. No mesmo prazo, cabe ao vereador providenciar o recadastramento de todos os servidores efetivos, comissionados, requisitados ou prestadores de serviço e comprovação dos recolhimentos previdenciários.

Irregularidades – As determinações do juiz atendem à Ação Civil Pública em desfavor do Município e na qual o Ministério Público requer a concessão da tutela de urgência para a adoção das medidas especificadas. Na ação, o MPE relata que, inquérito civil (002/2015) instaurado para apurar possível improbidade administrativa na Casa relacionada ao Portal de Transparência, constatou que o Legislativo municipal não disponibilizava na internet os balanços contáveis, Relatório de Gestão Fiscal, Relatório de Execução Orçamentária, peças de planejamento (PPA, LDO e LOA), convênios, licitações, contratos e relação de servidores e parlamentares com os respectivos vencimentos. Na ação, o MPE afirma que, apesar da recomendação ao presidente da Casa para que fossem sanadas as irregularidades, algumas subsistiram, o que motivou a ação.

De acordo com o juiz, apesar de intimado a se manifestar no prazo de 72 horas, o Município “manteve-se em silêncio”. Também não compareceu à audiência de conciliação designada para o último dia 26, na Vara de Interesses Difusos e Coletivos, informa o juiz.

Violação a diversos preceitos – Segundo avalia o magistrado em suas fundamentações, o parecer técnico do inquérito civil instaurado pelo MP aponta para a “violação a diversos preceitos da Lei de Acesso à Informação (Lei nº 12.527/2011) e Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei nº 101/2000, arts. 48 e 48-A)”, a exemplo, entre outros, de “dados desatualizados, ausência de informações referentes à execução orçamentária e financeira do órgão e ausência de informações sobre o quadro de pessoal”.

O juiz cita ainda os artigos 1º, 37 e 70 da Constituição da República, que tratam da obrigação do Estado com a publicidade, transparência, moralidade, controle e com o dever de prestar contas na administração de recursos públicos. “O direito de acesso à informação e a uma administração pública transparente está prevista também nos artigos 5º, XXXIII, e 37, § 3º, II da CF”, destaca.

E continua: “A regra, portanto, na Administração Pública, é a mais absoluta transparência naquilo que envolve a aplicação de recursos públicos. Deve-se evitar qualquer tipo de opacidade da informação, salvo quando o sigilo se mostrar justificável”, adverte.

Dano ao interesse público – Nas palavras do juiz, as medidas requeridas pelo MP, como a que trata do quadro de pessoal, têm o propósito também de proteger o erário da ação de servidores improbos. “Caso se deixe para analisar o pedido apenas na sentença, o dano à sociedade e ao interesse público, pela falta de efetivo controle social na aplicação dos recursos públicos, somente se espraiará no tempo”, declara.

Destacando que o Município não costuma perder prazos para manifestação, Douglas de Melo argumenta que, se o mesmo não apresentou argumentos para o indeferimento dos pedidos do MP foi por opção. “É possível que o Município concorde com o requerimento do MP, o que me parece razoável”, declara. E conclui: “O Município de São Luís não está obrigado a defender atos ilegais da Câmara Municipal, especialmente aqueles que podem prejudicar a probidade na administração”.

Mesmo com todo factóide criado contra Wellington do Curso, IBOPE garante segundo turno

Postado por Caio Hostilio em 28/set/2016 - 2 Comentários

holanda-x-wellingtonDe acordo com a pesquisa Ibope, divulgada hoje (28), pela TV Mirante, os factóides criados contra o candidato Wellington do Curso (PP) não surtiram o efeito desejado, ainda mais quando foi desfeito pela Justiça.

Por outro lado, nada mudou, de acordo com a pesquisa, que dentro da margem de erro de 3%, Wellington do Curso continua com seus mesmo 31% e Holanda Junior (PDT) pode está apenas com 35%, mantendo a pesquisa anterior.

Em terceiro apareceu candidata Eliziane Gama (PPS), com 8% Eduardo Braide (PMN), que tem 5%, Fábio Câmara (PMDB): 4%, Rose Sales (PMB): 3%, Cláudia Durans (PSTU): 2%, Valdeny Barros (PSOL): 1%, Zeluis Lago (PPL): 0%, nulo e branco 5% e  6% ainda não sabem.

A pesquisa Ibope, ouviu 805 eleitores, entre os dias 24 e 28 de setembro. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais, ou para menos, e o intervalo de confiança é de 95%. O registro na Justiça Eleitoral foi feito sob o protocolo MA-05305/2016.

CGU no encalço de Ana do Gás e de seu marido, Em Santo Antônio dos Lopes

Postado por Caio Hostilio em 28/set/2016 - Sem Comentários

Com informações do relatório da CGU

agemSomente nos anos de 2015 e 2016 o Município de Santo Antônio dos Lopes foi contemplado com o total de R$ 4.300.000,00 (quatro Milhões e trezentos mil reais), para a recuperação de estradas vicinais, que pela tabela da Caixa Econômica Federal seria suficiente para recuperar 130 km de estradas. Veja a liberação dos recursos abaixo:

tabelaComo se viu na tabela acima aonde foi parar esse dinheiro?

Segundo informações colhidas, esses teria sido utilizando recursos, principalmente os das estradas vicinais, que o Prefeito EUNÉLIO e sua a mulher ANA DO GÁS teriam comprado a casa do ex Deputado TATÁ MILHOMEM no valor de R$ 1.500.000,00 (um milhão e quinhentos mil reais) no Bairro do Calhau, que se encontra registrada no nome do THIAGO, no Cartório de Registro de imóveis do Nonato em São Luís. Nesse mesmo Cartório também esta registrado o Escritório que eles compraram no Edifício Office Tower no Bairro do Renascença em São Luís, registrado em nome da irmã da ANA DO GÁS, que é esposa JUNIOR DO PETROLEO.

As informações apresentadas hoje são facilmente encontradas nos relatórios das 02 auditorias realizadas pela C.G.U em Santo Antônio dos Lopes, são apenas um aperitivo, amanhã diremos como foi que ele gastou R$ 1.800.000,00 (um milhão e oitocentos mil reais) que eram destinados para aquisição de móveis e equipamentos hospitalares do Município.

Canalhice!!! Justiça acaba com factóide contra Wellington do Curso…

Postado por Caio Hostilio em 28/set/2016 - 2 Comentários

wcDepois que o procurador do Estado sumiu e encontrou após ser ameaçado de prisão, o Juiz da Fazenda Pública mandou arquivar o processo contra Wellington do Curso, visto que ele não era o proprietário do dito terreno. Olha que a mídia amilhada ao governo do Estado e ao prefeito Holanda Junior fizeram diversas presepadas canalhas e agora falarão o quê?

O certo é que o juiz Cícero Dias, da 4ª Vara da Fazenda Pública de São Luís extinguiu a ação movida contra Wellington do Curso (PP) por um dos cupinchas do governador Flávio Dino, que fora cupincha da gestão Holanda Junior.

O magistrado afirmou que o procurador do estado, no afã de criar um factóide para destruir Wellington do Curso, incluiu o candidato somente para atingi-lo e, assim, os amilhados criarem o factóide nas redes sociais.

Era preciso que os criadores dos factóides fossem exigidos pela Justiça que desfizessem suas canalhices e que explicassem como conseguiram a cópia do processo, parte do procurador do estado, na calada da noite!!!

Vergonha!!! MPMA se submete aos anseios de Flávio Dino em Coroatá…

Postado por Caio Hostilio em 28/set/2016 - Sem Comentários

Contudo, calaram-se quando o governo de Flávio Dino invadiu Coroatá, sem nenhum alvará da Prefeitura, para colocar asfalto de 2 cm e sem imprimição, em ruas de Coroatá, desrespeitando, com isso, a Constituição. A Constituição 1988 deu autonomia aos municípios, logo é preciso respeitar suas leis e seus atos administrativos, coisa que o MPMA e a Justiça não repararam. Flávio Dino sucumbiu e fora da lei gerou uma intervenção em Coroatá sem nenhum ato que tenha sido autorizado judicialmente. Uma vergonha!!!

14484623_1813811202171457_4411468385979960396_nO CÚMULO DO CÚMULO… MP DE COROATÁ NO ESQUEMA DE FLÁVIO DINO

Por Ricardo Murado (Facebook)

LEIAM O BOLETIM DE OCORRÊNCIA REGISTRADO PELA VICE-PREFEITA DE COROATÁ QUE ENVOLVE, ALÉM DA POLÍCIA POLÍTICA DE FLÁVIO DINO, A PROMOTORA PATRÍCIA ESPÍNDOLA. O IDIOTA DO GOVERNADOR JÁ ANUNCIOU QUE COROATÁ É O MUNICÍPIO ESCOLHIDO PARA O ENCERRAMENTO DE SUA CAMPANHA. E AGORA A PROMOTORA SE TRANSFORMA EM INSTRUMENTO DO GOVERNADOR.

ESTAMOS NA EXPECTATIVA ATÉ ONDE IRÁ A JUSTIÇA ELEITORAL LOCAL.

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog