Arquivo de setembro de 2017

Gestão Flávio Dino não mostra perspectivas aos maranhenses…

Postado por Caio Hostilio em 30/set/2017 - Sem Comentários

Em meio às promessas de campanha, que não passaram de uma utopia para enganar os inocentes, a gestão Flávio Dino passa por uma turbulência política, econômica e social.

A turbulência política se agrava diante das perseguições e, principalmente, no reduto de poucos, coisa que mexe com aqueles que achavam ser aliados.

E é com esse quadro de crise no campo políticos que se verifica a derrocada econômica, social e das instituições que deveriam primar pelo bem-estar coletivo, como é visto no aparelho de segurança pública.

A desconfiança em relação aos procedimentos adotados pela gestão Flávio Dino é evidenciada pelos diversos seguimentos sociais. Esses seguimentos não vêem políticas publicas promissora e de credibilidade.

As injustiças que ocorrem no cotidiano são um dos motivos para o descrédito da gestão Flávio Dino, seja na política, no setor empresarial, de saúde, de educação, de segurança pública e nos demais seguimentos.

Eis aí os motivos que levam a se ver um cenário nada favorável para 2018, cuja tendência é piorar cada vez mais.

Uma gestão nada transparente, que usa das obras alheias para se promover, que abandona construções importantes…

Qual a saída para o povo e para o Maranhão?

Prefeitura reduz casos de dengue em São Luís com ações de combate ao Aedes aegypti

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2017 - 1 Comentário

A Prefeitura de São Luís reduziu em mais de 80% o número de casos de dengue na capital nos primeiros oito meses deste ano, se comparado ao mesmo período de 2016. Segundo o último boletim epidemiológico da Superintendência de Vigilância Epidemiológica e Sanitária da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) até o início de agosto foram notificados 894 casos de dengue. Ano passado foram 4.647 notificação de casos da doença. A redução do número de casos foi possível graças às ações de combate ao Aedes aegypti e às campanhas de prevenção implantadas pela Prefeitura do município por determinação do prefeito Edivaldo.

“A Prefeitura tem intensificado a vigilância, a prevenção e o controle, com a nebulização espacial, as visitas domiciliares, o tratamento dos focos e o trabalho educativo, que têm tido uma resposta positiva da população; e vamos traçar novas estratégias dirigidas especialmente aos bairros onde há maior incidência, seguindo determinação do prefeito Edivaldo”, disse o secretário municipal de Saúde, Lula Fylho.

As ações do Programa Municipal de Combate às Arboviroses são realizadas em toda a cidade, com atenção especial para os estabelecimentos como ferros velhos e borracharias, que são orientados, fiscalizados e recebem o Selo Legal, quando adotam as determinações sanitárias para evitar a proliferação de focos do mosquito. Esse trabalho está sendo intensificado para garantir o controle total do Aedes aegypti.

Além da dengue, o Aedes aegypti transmite ainda a febre chikungunya e a zika, doenças que também estão apresentando tendência de redução, mas a Secretaria Municipal de Saúde alerta para a necessidade da população continuar mantendo os cuidados para evitar a formação de criadouros, pois o fim do período chuvoso e a temperatura mais alta criam condições favoráveis à eclosão dos ovos do mosquito.

De acordo com os dados apresentados pela Semus, a incidência maior de dengue está na faixa etária de 20 a 34 anos, e o bairro onde há maior número de notificações é o São Francisco onde a Prefeitura realizou uma grande ação esta semana.

Ação, iniciada na terça-feira se estedeu até sexta-feira (29) e abrangeu os bairros do São Francisco e Ilhinha que receberam grande ação de limpeza urbana realizada pela Prefeitura de São Luís com o objetivo de combater o mosquito Aedes aegypti, intensificando as ações de coleta de resíduos que já é feita diariamente nestes locais.

Durante o “bota fora”, os agentes de controle de arboviroses visitaram ruas e avenidas dos bairros com atividades de nebulização espacial com o carro fumacê, visitas às residências para a coleta de resíduos volumosos e colocação do “Selo Legal” em estabelecimentos comerciais como borracharias, ferros-velhos e oficinas que estão seguindo as recomendações de prevenção.

O trabalho foi coordenado pela Secretaria Municipal de Saúde por meio da Superintendência Municipal de Vigilância Epidemiológica e Sanitária com o apoio do Comitê Gestor de Limpeza Urbana. A ação teve o objetivo de combater as chamadas arboviroses, que são doenças transmitidas por insetos, como a dengue, febre chikungunya e zika vírus, e educar a população sobre o descarte correto de resíduos sólidos.

Crimes cibernéticos: projeto que fixa punição por disseminação de informações falsas está próximo de ser aprovado

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2017 - Sem Comentários

Em tramitação na Câmara Federal desde o início de 2015, o Projeto de Lei nº 215 que trata sobre o uso indevido de informações falsas poderá entrar na pauta de votações em breve. O autor da proposta, deputado Hildo Rocha, ressaltou que a apuração de crimes de calúnia e difamação, praticados por meio de redes sociais, é algo difícil de ser apurado pelos órgãos competentes. De acordo com o parlamentar, a cada dia crescem as ocorrências de crime que tem atormentado não só personalidades públicas, mas também organizações empresarias e outras instituições. “Recentemente, uma rede grande rede de supermercados do Maranhão foi duramente atacada por notícias falsas, por Fake News, ” destacou Rocha.

De acordo com as informações inverídicas, a empresa estaria sendo obrigada a fechar lojas por causa de supostas falcatruas que teria cometido junto ao Fisco federal. “Isso causou apreensão em fornecedores e principalmente em milhares de trabalhadores e trabalhadoras que temiam perder os seus empregos”, enfatizou Rocha.

O parlamentar explicou que o projeto de sua autoria estabelece regras e punições severas para quem pratica esse tipo de crime. “As pessoas têm direito de se expressar livremente. O que não podemos aceitar é que criminosos se esconderem em perfis falsos para atacar a honra, denegrir, difamar e caluniar as pessoas. Quem faz isso deve responder pelos seus atos. Então, peço o apoio dos colegas deputados e deputadas para que me ajudem a aprovar o PL 215 para que, finalmente, tenhamos regras claras acerca desse tipo de abuso que diariamente é cometido por pessoas inescrupulosas e maliciosas que se utilizam das redes sociais para achacar, intimidar, extorquir e dilacerar a honra das pessoas e a reputação de empresas e instituições”, asseverou Hildo Rocha.

Factóide idiota!!! Baseado em que poderia Fábio Gentil perder o cargo de prefeito de Caxias?

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2017 - Sem Comentários


Ora bolas!!! Fábio Gentil foi eleito legitimamente sem o uso da máquina pública, seja estadual ou municipal. Muito pelo contrário, ele ganhou dessas duas máquinas famigeradas pelo poder!!!

Aí surge uma imbecilidade em dizer que o prefeito se ausentou do município por um período de 15 e, assim, descumprindo a Lei Orgânica, haja vista que não pediu licença à Câmara de Vereadores.

Cadê as provas de que o prefeito se ausentou por 15 dias? Quem tem a folha de ponto do prefeito? Isso é patacoada politiqueira das mais esdrúxulas possíveis.

Na verdade, o prefeito Fábio Gentil apenas acompanhou, com recursos próprios, uma criança cega, que fora a São Paulo tenta voltar a enxergar, coisa que mostra sua sensibilidade humana, porém não consta que o prefeito ficou fora de Caxias por 15 dias.

Deveriam ao menos respeitar a dor dessa criança e de seus familiares!!!

De onde tiraram esse número de dias? Ninguém é idiota…

Que a oposição e seus escribas aprendam que não será através de patacoadas e factóides que atingirão o prefeito Fábio Gentil, que vem fazendo uma gestão transparente e, principalmente, com a participação do povo…

Coisa não vista na gestão anterior!!!

Joesley, em novo áudio: “Janot quer ser presidente da República”… Quanta imundície

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2017 - Sem Comentários

Há três semanas, VEJA revelou em primeira mão o conteúdo da gravação que resultou no cancelamento do acordo de delação dos executivos da JBS. Nela, Joesley Batista e Ricardo Saud, diretor de relações institucionais do grupo, conversam sobre detalhes do acordo que, àquela altura, estava prestes a ser formalizado. As conversas sugeriam que a negociação contara com a orientação de um assessor do procurador Rodrigo Janot, que determinou uma investigação sobre o caso, pediu a prisão do seu antigo assessor e suspendeu os benefícios dos delatores.

Nos próximos dias, o Supremo Tribunal Federal decidirá se as provas apresentadas pela JBS na vigência do acordo continuam válidas, entre elas um diálogo que compromete o presidente Michel Temer (PMDB) e outro que alveja o senador Aécio Neves (PSDB-MG). Agora, novas gravações obtidas por VEJA prometem acirrar ainda mais esse debate.

O áudio que provocou a reviravolta no caso foi entregue acidentalmente à Procuradoria-Geral da República pelos executivos da JBS. Mas não foi apenas um — foram quatro. VEJA teve acesso a todos. São gravações de conversas entre os próprios executivos da empresa. Na principal delas, Joesley e Saud haviam acabado de deixar a sede da PGR, onde se reuniram para mais uma rodada de negociações. No caminho para o aeroporto, eles conversam com Francisco de Assis e Silva, o diretor jurídico do grupo, sobre as impressões captadas na reunião. Fica claro que já tinham apresentado os diálogos demolidores com Temer e Aécio.

“Achei que ganhamos eles”, diz Saud. “Nós só temos um risco”, pondera Assis e Silva. “O compromisso político do Janot com o Temer”, completa Silva, dando a entender que havia alguma aliança entre o procurador e o presidente. Saud adverte: “Mas não tem (o risco) com o Aécio (…). Nós temos as duas op­ções. Ele não pode se dar bem com o PSDB e o PMDB”, completa, sugerindo que Janot não teria condições de proteger tucanos e peemedebistas simultaneamente. O diretor jurídico então conclui: “Eles (os procuradores) querem f… o PMDB”. Em outro momento, Joesley diz: “Janot quer ou ele ser o presidente da República, ou indicar quem vai ser”.

Deputado Glalbert Cutrim e Governador Flávio Dino entregam patrulha agrícola ao município de Bacuri

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2017 - Sem Comentários

O deputado Glalbert Cutrim (PDT), participou nesta quinta-feira, 28, no Palácio Henrique de La Rocque, da cerimônia de entrega de patrulhas agrícolas e títulos de terra entregues pelo Governador Flávio Dino (PCdoB), que beneficiarão a Agricultura Familiar de diversas regiões do Estado.

Durante o evento, o prefeito de Bacuri, Dr. Washington (PDT), recebeu das mãos do deputado Glalbert Cutrim, a chave de uma patrulha agrícola, que será usada para melhorar a produção da Agricultora Familiar no município.

“Esse equipamento será fundamental para alavancarmos a produção local, garantindo muito mais incentivo e tecnologia para as famílias do campo. O Deputado Glalbert Cutrim não tem medido esforços para junto ao Governo do Estado, trazer melhorias para o município de Bacuri.” Destacou o prefeito Dr. Washington.

Para Glalbert, investir na agricultora familiar, é um dos caminhos para melhorar a economia local dos municípios.

“Quando investimos em tecnologia para as famílias do campo, responsáveis pela produção agrícola, estamos garantindo alimento de qualidade na mesa do cidadão, e uma economia forte, além de garantir produtos muito mais barato para quem compra, já que o custo de quem produz no município é muito menor do que trazer de fora. Tenho certeza absoluta que esse equipamento irá garantir muito mais produção para os produtores da Agricultura Familiar.” Disse Glalbert

“É dinheiro público jogado fora em um asfalto de péssima qualidade”, denuncia deputado Wellington à Polícia Federal e ao MPF

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2017 - Sem Comentários

O deputado estadual Wellington do Curso (PP) encaminhou ofício, nesta quinta-feira (28) ao Ministério Público Federal e à Polícia Federal do Maranhão. A denúncia formalizada pelo deputado é de vários maranhenses que estão indignados com os “serviços” prestados pelo Governo do Maranhão e foi protocolada no âmbito federal por se tratar de recursos com origem junto ao BNDES, também federais.

Trata-se de obras entregues e que, em menos de 20 dias, em virtude da péssima qualidade dos serviços, já estão em fase de destruição. Como exemplos há a Ponte do Balandro, em Bequimão, que foi inaugurada há menos de um mês e já tem buracos e rachaduras no asfalto.

“Já fizemos várias denúncias. Nós moradores, percorremos a estrutura a pé para confirmar a má qualidade das obras e sempre saimos dos local com certeza de que somos vítimas de uma enrolação e de uma propaganda enganosa. Em alguns pontos, o piso afunda ao ser pressionado por um dos pés. É possível também arrancar com os dedos lascas do asfalto sem qualidade. Imagine quando começar a chover. Estão pensando que nós somos bestas. Tenho certeza que isso não é barato e quem vai pagar somos nós, a população”, denunciou o senhor Raimundo, de Carolina, no sul do Maranhão.

Ao fundamentar a denúncia, o deputado Wellington deixou claro não ser contra a pavimentação asfáltica e exigiu a qualidade nos serviços feitos.

“Não somos contra a recuperação asfáltica. Ao contrário, o Programa ‘Mais Asfalto’ é uma ideia boa, algo que faria a diferença na vida das pessoas caso fosse feito com seriedade e com responsabilidade. Infelizmente, o que a população encontra é algo de péssima qualidade. Isso pode ser comprovado em Arari, quando menos de 20 dias após a entrega da pavimentação, já era possível comprovar a péssima qualidade do asfalto. O mesmo ocorreu em Carolina, em trechos das avenidas Elis Barros, Frederico Martins e Avenida Brasil. É dinheiro público jogado fora em um asfalto de péssima qualidade evidenciado tanto na capital como no interior do Estado. Algo tem que ser feito diante disso. Não é porque o serviço é público que pode ser feito de qualquer forma. Alguém precisa ser responsabilizado por esse crime”, pontuou o deputado Wellington.

Além das denúncias quanto à péssima qualidade do asfalto, o deputado Wellington ainda apresentou o absurdo que é se ter dois postes no meio da rodovia MA-272 entre Barra do Corda e Fernando Falcão, o que mostra o verdadeiro desperdiço dos recursos públicos aplicados sem qualquer tipo de qualidade, sem controle e sem fiscalização, já que asfaltaram a rodovia mesmo com os postes como empecilhos, transformando-se em chacota nacional.

Maranhão pode virar Rio de Janeiro. Culpa de Flávio Dino!

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2017 - Sem Comentários

Por Sousa Neto

Situação de Catástrofe na Segurança Pública do Maranhão

Flávio Dino chama ao Maranhão, o ex-secretário de Segurança do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, para estancar a sangria e o desgaste no Sistema, causado pela gestão ‘desastrosa’ de Jefferson Portela à frente da pasta.

Ao que parece, Dino esqueceu que a situação ao qual o Rio de Janeiro se encontra, atualmente, foi provocada por Beltrame, com seu programa de pacificação, que consistiu em “passar a mão na cabeça de traficantes e bandidos”, dando a eles o poder para dominar todos os morros e favelas cariocas com armas de guerra privativas das Forças Armadas. O Rio de Janeiro enfrenta a maior crise na área de segurança de todos os tempos, e hoje está sob intervenção do Exército nas ruas, porque às polícias Civil e Militar ficaram completamente ineficazes frente ao poderio do tráfico.

Beltrame chega como “consultor”, naturalmente remunerado (e bem), para ensinar Jefferson às políticas adotadas no Rio de Janeiro. Uma afronta e um desrespeito aos profissionais de segurança que aqui se dedicam à missão de proteger o cidadão. Que conhecem e vivenciam a realidade do nosso Estado. Que, se antes, o Maranhão já vivia de mal a pior, sob o comando Comunista, agora corre sério risco de se tornar o próximo Rio de Janeiro.

Deus tenha piedade de todos nós e nos livre de Beltrame, de Portela e desse governador mentiroso, incompetente, perseguidor e sem noção que a cada dia causa mais insegurança e sofrimento a nossa gente

Senador Lobão será recepcionado em Caxias amanhã (30)…

Postado por Caio Hostilio em 29/set/2017 - Sem Comentários

O senador e presidente da CCJ Edison Lobão será recepcionado neste sábado (30/09), a partir das 9:00 horas, na Prefeitura Municipal de Caxias, a convite do prefeito Fábio Gentil.

Vale ressaltar que o senador Edison Lobão sempre ajudou o município através de emendas e projetos que ajudaram e ajudam o crescimento de Caxias.

Sua presença em Caxias é muito importante para o engrandecimento das ações do prefeito Fábio Gentil, que vem alavancando efetivando as ações socioeconômicas, além de proporcionar uma gestão transparente e, principalmente, com a participação do povo.

Que essa recepção seja proveitosa.

Prefeitura de São Luís paga servidores municipais neste sábado (30)

Postado por Caio Hostilio em 28/set/2017 - 3 Comentários

Mais uma vez, honrando o compromisso com o servidor e antecedendo o calendário de pagamento estabelecido para o ano de 2017, a Prefeitura de São Luís, efetuará o pagamento dos funcionários públicos municipais, neste sábado (30).

O pagamento antecipado mostra o compromisso e o empenho do prefeito Edivaldo em garantir a folha em dia. Para o secretário Municipal da Fazenda, Delcio Rodrigues, cumprir o calendário de pagamentos e antecipar as datas já estabelecidas é resultado de muito esforço, dedicação e é uma das prioridades da atual gestão.

“O mês de setembro é um dos mais difíceis para a arrecadação municipal. Apesar da crise financeira nacional e a baixa nas receitas transferidas pelo governo federal, a Prefeitura está trabalhando com planejamento e organização para cumprir o compromisso com o servidor”, disse Rodrigues.

Os servidores municipais têm acesso às informações de seus vencimentos nos terminais de autoatendimento do Banco do Brasil, por meio do contracheque eletrônico. A informação também pode ser acessada através do site da Prefeitura de São Luís (www.saoluis.ma.gov.br), no Portal do Servidor, menu do lado esquerdo, informando o número da matrícula e senha.

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog