Em sabatina da AJE, Wellington 11 mostra como transformará São Luís em uma cidade empreendedora

Publicado em   31/ago/2016
por  Caio Hostilio

14151843_1269495626435696_1387336900_oCandidato destacou que é empresário bem sucedido do setor educacional e político que não possui apadrinhamento ou amarra

O deputado estadual e candidato a prefeito da coligação “Por Amor a São Luís”, Wellington 11 (PP), participou, na manhã desta quarta-feira (31), de sabatina promovida pela Associação dos Jovens Empresários do Maranhão (AJE/MA), oportunidade na qual apresentou propostas que irão desenvolver o setor econômico da capital maranhense e transformá-la em um município empreendedor e de novas oportunidades.

14203580_1269495629769029_1851779933_oO evento, denominado Café Político, ocorreu no auditório do jornal O Imparcial e contou, ainda, com as participações dos candidatos Fábio Câmara (PMDB), Rose Sales (PMB), Eduardo Braide (PMN) e Eliziane Gama (PPS).

Candidato à reeleição e apresentando índices de rejeição que ultrapassam a casa dos 40%, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) não se fez presente.

Wellington respondeu questionamentos dos empresários sobre temas relacionados a projetos eficientes de gestão pública; ações inovadoras; relacionamento do setor público com a classe empresarial; incentivo e parcerias com o setor dos empresários; dentre outros.

Ao fazer um breve resumo da sua trajetória de vida, relatando suas conquistas como empresário bem sucedido do setor educacional e político que não possui apadrinhamento ou amarras, Wellington afirmou que será um prefeito empreendedor; que executará uma gestão com planejamento estratégico definido e pautada no desenvolvimento social, econômico, e na sustentabilidade.

Dentre as várias propostas contidas no seu plano de governo ligadas ao empreendedorismo e classe empresarial, ele destacou a capacitação de jovens empresários; implantação dos projetos Minha Primeira Empresa e Banco da Cidade, que irão beneficiar, inclusive com incentivo fiscal e recursos oriundos de instituições bancárias parceiras, médios e pequenos negócios; apoio a criação de start-up; implantação na rede municipal de ensino de uma cultura empreendedora.

Quando questionado sobre “se é possível realizar uma gestão pública aplicando bem os recursos e com pessoas qualificadas”, Wellington foi categórico:

“Claro que sim. Basta que o gestor cumpra as leis, que execute um governo de diálogo com o cidadão e os demais segmentos da sociedade, dentre eles a classe empresarial. Hoje, o atual prefeito de São Luís realiza uma gestão para poucos apadrinhados, loteando os cargos da prefeitura de acordo com a sua conveniência política e penalizando os servidores públicos efetivos. Faremos diferente. Governaremos, a partir de janeiro, com técnicos qualificados, obedecendo critérios da meritocracia”, afirmou.

“Além de nossos projetos, também iremos executar ações que deram certo em outras capitais em todos os setores, como o turismo, por exemplo. São Luís precisa de um gestor presente, que tenha compromisso e enfrente os problemas com soluções. É desta forma que, a partir de janeiro de 2017, iremos conduzir os caminhos da capital e coloca-la, verdadeiramente, no caminho certo do desenvolvimento econômico e da geração de mais emprego e renda”, finalizou o candidato progressista.

Compartilhe :

*/?>

  Publicado em: Governo

Deixe uma resposta

Contatos

hostiliocaio@hotmail.com

Assine o Blog

By signing up, you agree to our Terms of Service and Privacy Policy.

Publicidade

Busca no Blog